VIVA A PREVENÇÃO

 Olá amiga(o)! Indescritível a satisfação que tenho em trocar ideias com você por esta humilde e jovem coluna! Hoje quero reforçar um assunto que é de interesse geral. Você sabia que estamos iniciando o 'outubro rosa'? Fique calmo, já explico tudo: trata-se de um movimento mundial que alerta sobre a importância de se prevenir e realizar o diagnóstico precoce do câncer de mama. Um aspecto importante é que quando digo que o assunto é de interesse geral é porque o câncer de mama também pode acometer os homens.         

  Assustado? Não fique. Basta apenas ficar alerta aos mesmos cuidados que as mulheres devem ter. O câncer de mama ainda acomete proporcionalmente mais as mulheres. E dentre estas, as que fizeram reposição hormonal, menstruaram muito cedo, não tiveram filhos ou tiveram filho após 35 anos, não amamentaram, entraram tardiamente na menopausa e fumam, têm mais chances de desenvolver a doença.

 Geralmente o primeiro sinal é aparecimento de nódulo único, indolor e endurecido na mama. Deformidade e aumento da mama, retração local da pele ou mamilo, gânglios axilares aumentados, dor e líquido nos mamilos são outras manifestações relevantes.

   Nunca se esqueçam de fazer o auto-exame das mamas e axilas, e sigam as indicações corretas de seu médico quanto à periodicidade do exame de mamografia (o mais indicado para detecção precoce). E que fique bem claro que quanto mais cedo for o diagnóstico, maiores as chances de cura. Previna-se! E espalhe a notícia adiante!

 

 

O SOL E O CORPO

                Olá! Vocês já devem perceber que estou animado! Sol, calor, verão...não, estamos caminhando para a primavera! Mas esta época é propícia para atividades ao ar livre e vemos novatos iniciando o famoso projeto verão mais magro! Academias cheias, acostamentos de asfalto e o horto florestal idem. Queremos exercícios, abaixo as barriguinhas e as calorias!

                Não, hoje não vou abordar a rotina de exercícios que te levarão à tão sonhada silhueta elegante. Vamos conversar um pouco sobre o sol. Isto mesmo, o sol e os raios ultravioleta. Surpresos?!... Também me sinto assim quando percebo que quase ninguém se preocupa com este assunto.

                Em tempos onde a incidência de raios UVA e UVB batem recordes, devemos pensar mais amiúde no que eles causam ao nosso corpo, afinal, eles agem em nosso maior e mais exposto órgão: a pele.

                Os raios UVA são responsáveis pelo aspecto envelhecido, manchas e rugas na pele. Estes não são totalmente bloqueados pelo filtro solar. Os raios UVB deixam a pele vermelha e queimada com o famoso aspecto 'camarão' e ajudam na produção de vitamina D, entretanto, aumentam o risco de câncer de pele. E quanto mais clara a pele maior o risco.

                O que todos devemos por na cabeça, no meu caso além de chapéu, pois já ando meio calvo (ou meio cabeludo pois sou  do time dos otimistas), é que devemos evitar exposição direta ao sol das 10 as 16 horas, e que o filtro solar é para ser usado sempre, à despeito de estar frio ou calor, nublado ou um 'céu de brigadeiro'. Então, se você quer dar um bom conselho à alguém que ama, aqui está um: use o filtro solar.

 

DICAS DE SAÚDE

 

Ola! É com imenso prazer que inauguro este espaço de democratização da informação à todos vocês. Aqui tentarei o mesmo que tenho feito em meu programa de rádio e no facebooK: simplificar a conversa. E hoje conversaremos sobre hipertensão arterial.

A hipertensão arterial é caracterizada por elevação crônica da pressão arterial (acima de 140/90mmHg. Sua causa é desconhecida em até 95% dos casos. Nesta situação, a denominamos 'hipertensão essencial'. Nos 5% que restam, podemos eventualmente encontrar causas específicas para a hipertensão, então ela seria chamada de 'hipertensão secundária' a doenças renais, doenças da glândula tireoide, doenças da artéria aorta, entre outras.

É muito importante que você se lembre que os sedentários, obesos, fumantes,os que cultivam maus hábitos alimentares e os estressados, têm maiores chances de desenvolver a hipertensão. Então se você se enquadra em uma ou mais das características acima, é hora de rever alguns conceitos e procurar orientação de seu médico de confiança. Se você já é um hipertenso crônico, deveria visitar o cardiologista pelo menos semestralmente.

Nem sempre a hipertensão necessita de tratamento medicamentoso. Há situações em que, quando diagnosticada bem no início e ainda não há repercussões cardiovasculares irreversíveis, é possível voltar a ser normotenso apenas por meio de mudança de hábitos de vida.

Deixe o carro ou a moto na garagem e caminhe mais, beba mais água, evite alimentos com muito sal e gordura, fuja do estresse e promova momentos de lazer com seus amigos. Viva bem sempre!

Ass: Dr. Felipe Salomão