COMARCA DE MIRACEMA PAROU EM HOMENAGEM A NEWTON MOREIRA


Com a iniciativa da 10ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil de Miracema, contando com a participação efetiva do Desembargador Marcus Faver, ex-presidente do Tribunal de Justiça, foi inaugurada uma placa no "hall" da entrada do Fórum da Comarca de Miracema em homenagem ao serventuário falecido, Newton Moreira, destacando sua trajetória profissional, ressaltando a sua conduta frente aos cartórios do 2º Ofício, como escrivão privativo do crime e como escrivão eleitoral.


Fizeram uso da palavra, representando o Poder Judiciário, o juiz do Fórum, Dr. Glicério Angiolis Silva que saudou os presentes e lamentou que não teve convivência com o homenageado; o presidente da Subseção da OAB enalteceu a pessoa do homenageado, mas também informou que não teve contato profissional, contudo, sempre que tinha oportunidade, tinha contato com ele. Hanry Félix salientou que o nosso colega Maurício Monteiro foi incansável para o êxito dessa homenagem. A seguir falou o ex-presidente da Subseção Maurício Monteiro que lembrou as condutas morais do homenageado recordando sua trajetória profissional, de menino órfão que aprendeu datilografia muito cedo e passou a ser requisitado pelos Cartórios e pelo juiz Navega Cretton para datilografar as sentenças numa época que todo processo era manuscrito.


Outro orador foi o decano advogado da cidade, Roberto Ventura, testemunha ocular de sua trajetória, de sua participação efetiva de toda uma vida dedicada exclusivamente às atividades forenses, merecendo a confiança de juízes, promotores e advogados. Uma oração elevada, terminando por afirmar que Newton foi uma figura iluminada, exemplar chefe de família.

Só na cátedra universitária, Marcus Faver militou durante vinte e sete anos na Universidade Petrópolis, sem contar os discursos políticos de sua juventude e como vereador. É considerado hoje um dos maiores do Estado, com uma inovação, sempre inicia a sua fala citando trechos cancioneiro popular, o penúltimo discurso foi Tim Maia, Roberto Carlos foi agraciado, cantarolando começou o seu discurso. Emoções de Roberto Carlos, tem sido em outras plateias, em Fortaleza, foi a última canção com que se despediu da presidência dos Tribunais de Justiça do Brasil.

Lembrou que deu os primeiros passos da advocacia quando Newton Moreira iniciava a sua carreira nos cartórios de seu tio, lembrou-se dos tempos de fórum, quando funcionava no período histórico da Prefeitura, ressaltando a sua especialização na área do registro civil. Marcus Faver foi citado por todos os oradores, mesmo não residindo mais em Miracema nunca se esqueceu da cidade, onde se casou e iniciou a sua fulgurante carreira como magistrado até se alçado a presidência do TJ. Lá, parodiando Juscelino Kubitschek, afirmou que em dois anos faria a justiça avançar em vinte (aquele slogan cinquenta anos em cinco). Miracema não se cansa de ouvi-lo.


Antes da inauguração da placa, fez uso da palavra, em nome da família, o advogado e ex-procurador do Município, João Maria Moreira Neto que lembrou a trajetória do pai, do chefe de família e conhecido em várias Comarcas do estado. Assim falou: "Hoje é um dia especial, pois nos reunimos aqui, não para lamentar a ausência, mas para celebrar a vida! " - Citando Disraeli. "A vida é muito curta para ser pequena, nosso pai, marido, avô, bisavô e sogro soube aproveitar a vida, a sua trajetória. Não se apequenou! Não teve uma vida pequena, banal, fútil, inútil, superficial. Muito pelo contrário, esta placa marca sua presença, linda homenagem, mas o que deixou aqui, a forma como se conduzir a sua vida o torna imortal e será lembrada para sempre por gerações que se irão sucedendo".

E prossegui: "A primeira e mais importante Obra que aqui deixou, a sua família, aqui presente, em grande maioria, já que alguns, por compromissos profissionais ou particulares não puderam vir. Uma família edificada em base sólida! E que família!".


Finalmente agradeceu a todos os presentes. A placa inaugurada tem os seguintes dizeres:

"Quero deixar expresso vivamente o meu imenso contentamento por me ver rodeado de velhos amigos que me ajudaram a ascender À posição em que me vejo colocado, pelo seu contínuo apreço e inteira aprovação pelo meu desempenho. Isso me levou a transpor todas as barreiras e me fez galgar ao cimo dos meus ideais e anseios".

(Discurso de despedida do Fórum N.R.M).