Busto do senador Dirceu Cardoso, deverá ser fixado no entorno da Prefeitura de Miracema


"É bela a atitude daqueles que não tocam marcha apenas para os vencedores aceitos, mas também para os vencidos e os mortos"

Walt Whitman


Já se encontra em Miracema o busto do senador Dirceu Cardoso, que deverá ser fixado no entorno da Prefeitura que está sendo recuperada por Clóvis Tostes Barros. O escultor Henrique Rezende é quem confeccionou o busto do político capixaba, que saiu de Miracema com uma mala de pau nas costas para edificar o maior Colégio do sul do Estado do Espírito Santo. Era uma referência no Ensino Fundamental com mais de quatrocentos alunos, responsável por formar uma elite cultural que dirigiu o Estado e o Brasil, entre eles o Ex- Presidente do Banco Central Ernane Galveis, entre outras figuras que brilharam em outros setores do Estado.

FOTO: DIVULGAÇÃO

Precoce, formou-se em Direito aos 18 anos e não tinha dinheiro para comprar o terno para a formatura, voltando para sua terra natal para exercer a profissão, engajou-se na luta separatista ao lado de seu pai e a principal atração dos comícios em prol da luta separatista. Indicado por Lavaquial Bisca, diretor do Colégio de Pádua, deixou de integrar à docência do Colégio Miracemense onde era professor de História natural e outras matérias. A indicação resultou que inúmeros estudantes de Muqui, eram matriculados no Colégio de Pádua e Muqui tinha uma pequena escola que não atendia à educação da juventude local.

De 1936 à 1947 construiu mais quatro ou cinco prédios e o Ginásio passou a ser referência no Estado em ensino, até uma Olimpíada Estadual foi lá realizada, a equipe esportiva do Colégio que era quase imbatível, veio a Miracema num trem especial e bateu o Miracemense em todas as modalidades, foi um grande desportista. Na mocidade, nunca perdeu os embates desportistas na cidade. Em 1947 foi alçado à Prefeitura de Muqui e, em quinze dias, construiu um campo de aviação e fez a Ligação que fazia o percurso Muqui-Vitória-Rio de Janeiro, como também o Parque das Lavadeiras, assim, não precisavam mais ir para a beira do ribeirão para lavar roupa, além de outras obras mais.

Em cinquenta foi deputado estadual e líder do governo Jones dos Santos Neves, tornando-se o deputado mais temido do Espírito Santo.

O campo de aviação de Miracema está há mais de vinte anos abandonado e é considerado o mais bem localizado do Noroeste do Estado do Rio de Janeiro, é do tamanho do Santos Dumont no Rio de Janeiro, até jato pode descer lá devido a sua extensão.

Reeleito com grande votação no Estado e depois Deputado Federal com maior votação ainda, o plenário da Assembleia leva o seu nome pelas batalhas enfrentadas ali. Como deputado leu a carta de renúncia de Jânio Quadros. A despedida da Câmara para disputar o Senado é uma peça oratória memorável. No Senado, outra batalha contra os empréstimos externos pelas prefeituras para fazer praças e outras obras menores, paralisou o senado por longo tempo com a veemência de seus discursos, até de ser chamado de cavalo pelo Presidente Jarbas Passarinho "De bridão e espora" respondeu ele. O Presidente João Figueiredo mandou o seu ministro Delfim Beto cumprimentá-lo pela sua luta senão a dívida do externa do Brasil seria impagável.

Único membro do M.D.B a ser autorizado a frequentar a Escola Superior de Guerra pela decência com que exerceu os mandatos de Senador e outras funções mais em sua longa carreira, e, depois foi Secretário de Segurança do Estado.

Sempre presente às festas de emancipação política de Miracema, era um deleite ouvi-lo, como também nunca chegou num carro oficial na cidade para visitar seu pai. Foi um homem público exemplar, digno de uma estátua como essa que o capixaba José Coser doou à Miracema, como figura modelar para os jovens de hoje se mirar.

Miracema também deve esta iniciativa a Marcus Faver, não só pela construção do Fórum, o mais imponente da cidade, como a estátua da escritora Maria Alice Barroso, uma das maiores escritoras do Estado, recentemente inaugurada no Jardim de Miracema.

Vencida a luta pela emancipação política não pode ficar para a grande festa da emancipação, teve que partir para Muqui. Miracema se esqueceu por completo do grande separatista, somente muito tempo depois, no governo de Nilo Rodrigues Lomba, é que ele foi lembrado. Então ele fez um desabafo no discurso de agradecimento, "Depois que fui quase tudo na política é que minha cidade foi se lembrar de mim, quando eu não precisava mais homenagens terrenas". Seu último ato foi no governo de JK, onde criou a Universidade do Espírito Santo.

 

Por Dr. Maurício Monteiro, advogado e historiador