Deputado estadual Flavio Serafini visitou ontem o CAPS e o Centro de Cidadania LGBTQI+ de Miracema

O deputado estadual Flavio Serafini (PSOL/RJ) esteve ontem em Miracema vistando o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) da cidade para conversar e acolher as demandas dos profissionais.
Em conversa com a equipe do CAPS, Serafini explicou que aprovou na Alerj a Lei 8154, que garante o co-financiamento da RAPS – Rede de Atenção Psicossocial. A equipe do CAPS informou que eles já recebem o recurso, mas que ainda é insuficiente para garantir o pleno funcionamento da unidade – que não tem prédio próprio e nem viatura para realizar o trabalho.O CAPS atende aproximadamente dois mil usuários e acolhe pessoas em situação de rua.

Após a visita ao CAPS, Serafini seguiu para o Centro de Cidadania LGBT da cidade. Lá conheceu o prédio histórico e conversou com militantes.
– A visita à Miracema foi fundamental porque a equipe do meu Mandato atua bastante na região. No CAPS tive uma conversa importante para conhecer os entraves para o pleno funcionamento da unidade e encaminhamos que vou abrir um diálogo com a Defensoria Pública e com a Coordenadoria de Saúde Mental do governo do Estado para levar as demandas e encontrarmos juntos uma solução. No Centro de Cidadania LGBT, espaço fundamental da cidade de garantia de Direitos Humanos, deixamos claro que estamos à disposição para apoiar a luta da população LGBTQI+ do município e da abertura do Centro – disse Serafini.
 
Ao longo do dia de hoje, o deputado está em Campos dos Goytacazes, onde visitará as Ocupações Novo Horizonte e Cambaíba, além de realizar conversas com servidores da Uenf e UFF.

Deputado estadual Flavio Serafini visitou ontem o CAPS e o Centro de Cidadania LGBTQI+ de Miracema

O deputado estadual Flavio Serafini (PSOL/RJ) esteve ontem em Miracema vistando o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) da cidade para conversar e acolher as demandas dos profissionais.
Em conversa com a equipe do CAPS, Serafini explicou que aprovou na Alerj a Lei 8154, que garante o co-financiamento da RAPS – Rede de Atenção Psicossocial. A equipe do CAPS informou que eles já recebem o recurso, mas que ainda é insuficiente para garantir o pleno funcionamento da unidade – que não tem prédio próprio e nem viatura para realizar o trabalho.O CAPS atende aproximadamente dois mil usuários e acolhe pessoas em situação de rua.

Após a visita ao CAPS, Serafini seguiu para o Centro de Cidadania LGBT da cidade. Lá conheceu o prédio histórico e conversou com militantes.
– A visita à Miracema foi fundamental porque a equipe do meu Mandato atua bastante na região. No CAPS tive uma conversa importante para conhecer os entraves para o pleno funcionamento da unidade e encaminhamos que vou abrir um diálogo com a Defensoria Pública e com a Coordenadoria de Saúde Mental do governo do Estado para levar as demandas e encontrarmos juntos uma solução. No Centro de Cidadania LGBT, espaço fundamental da cidade de garantia de Direitos Humanos, deixamos claro que estamos à disposição para apoiar a luta da população LGBTQI+ do município e da abertura do Centro – disse Serafini.
 
Ao longo do dia de hoje, o deputado está em Campos dos Goytacazes, onde visitará as Ocupações Novo Horizonte e Cambaíba, além de realizar conversas com servidores da Uenf e UFF.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.