(22) 997587542  |  contato@doisestados.com.br

Moradora tem fratura após excesso de velocidade de ambulância de Cantagalo

Nelson Barros

Nelson Barros

Uma moradora do Bairro São José, cidadã de Cantagalo, na Região Serrana do Rio, veio a público expor o que vem acontecendo no transporte da Secretaria de Saúde do município. Segundo ela, alguns condutores gozam de excesso de velocidade em carros públicos.

Andréa Monteiro Fernandes contou que, no dia 14 de junho, acompanhou o seu companheiro – com o pé fraturado – em uma viagem na ambulância da Secretaria Municipal de Saúde de Cantagalo ao Hospital Estadual de Ortopedia e Traumatologia de Paraíba do Sul.

A moradora relata que devido ao excesso de velocidade do condutor da ambulância – que não enxergou um quebra-molas – foi arremessada dentro do veículo e sofreu uma fratura no rádio distal, no braço direito. Seu marido, com o pé já fraturado, não sofreu mais danos com o ocorrido.

“O motorista não se importou em me atender. Mas por insistência da enfermeira, fui levada para o ambulatório do Hospital de Três Rios, pois Paraíba do Sul não realiza exame de urgência, no qual foi confirmado a fratura no rádio distal”, disse Andréa Monteiro.

Ao ser indagada se havia relatado o caso à Secretaria de Saúde de Cantagalo, a moradora explicou que procurou a Ouvidoria, mas não estava funcionando.

Fonte: Serra News