CidadeDESTAQUES

Menina de 3 anos morre após ser vítima de abuso sexual e espancamento em Campos dos Goytacazes

Uma menina de três anos morreu após dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Guarus, em Campos dos Goytacazes. O laudo pericial apontou que ela foi vítima de abuso sexual e espancamento.

A confirmação foi feita pela delegada da 146ª Delegacia de Polícia, Madeleine Farias, na noite da última quinta-feira (01). O suspeito do crime é o padrasto da criança. Ele foi preso em uma ação conjunta das Polícias Civil e Militar, na Praia de Santa Clara, em São Francisco de Itabapoana. A mãe também foi presa por omissão de socorro.

De acordo com a delegada, o laudo aponta que a causa da morte foi hemorragia interna causada pelo rompimento do fígado e do baço. Segundo as investigações, a menina apresentava lesões diferentes, produzidas em situações anteriores ao dia da morte.

“Os peritos confirmaram, através do laudo pericial, que a menina foi abusada recentemente. Houve rompimento de hímen e fissura recente no ânus, mostrando que ela foi abusada. E, o laudo demonstra que ela foi espancada. A morte dela foi em decorrência de uma hemorragia contundente pela laceração do fígado e do baço”, disse a delegada.

De acordo com a polícia, a mãe informou que não estava em casa porque tinha ido à mercearia, deixando a criança com o companheiro, mas ela também teria informado a enfermeira, no primeiro momento, que teria visto a filha cair no banheiro e que junto com o suspeito buscou ajuda.

Segundo parentes, a menina teria sofrido uma queda dentro de casa no bairro Aeroporto, mas as versões levantaram as suspeitas da Polícia Civil.

“Verificamos que a mãe demonstrou frieza, cochichava com o companheiro durante o atendimento emergencial e inclusive não foi ao enterro da filha”, disse Dra. Madeleine.

A delegada relatou ainda que a mãe teria dito que a menina começou a apresentar manchas roxas há cerca de um ano e que, perguntada se não tinha levado a um médico, a mãe disse que resolveu procurar um pediatra na última semana.

Fonte: G1

Deixe um comentário